+55 (48) 3721-2308
encontro.ppgfsc@contato.ufsc.br

Seminário 6: A importância das medidas da abundância do oxigênio de forma direta para o estudo de galáxias

Seminário será apresentado pela mestranda da UFSC Katia Slodkowski Clerici

Demais autores: Natalia Vale Asari

Resumo: O estudo da abundância química (também chamada de metalicidade) pode fornecer pistas sobre a história cósmica das galáxias. Isso porque a metalicidade é o produto de vários processos que ocorrem nas galáxias, como a atividade estelar e a interação dos gases com o ambiente extragaláctico. Devido à forma de produção de metais, podemos esperar que existam relações entre propriedades físicas das galáxias e a metalicidade. Neste seminário, apresentamos os primeiros resultados para a relação entre a Massa Estelar – Taxa de Formação Estelar – Metalicidade em galáxias do Sloan Digital Sky Survey. Na literatura, são apresentadas relações construídas por indicadores indiretos de metalicidade, como, por exemplo, relações que utilizam apenas linhas de emissão fortes dos espectros de galáxias. O problema dos indicadores indiretos está na precisão dos resultados, que podem comprometer profundamente a relação, deixando-a mais fraca ou até fazendo com que ela não exista. Deste modo, buscamos aumentar a precisão da relação usando o método direto para determinar a metalicidade das galáxias. Ou seja, usamos linhas de emissão colisionais fracas e fortes para determinar a temperatura e a metalicidade, uma vez que as linhas de emissão colisionais são fortemente dependentes desses parâmetros. No entanto, linhas fracas não são detectadas em todos os espectros de galáxias, especialmente em galáxias ricas em metais. Neste caso, somamos galáxias que possuem propriedades semelhantes. Seguimos a metodologia de Curti et al (2017) para seleção da amostra e soma de grupo de galáxias. Por fim, apresentamos os resultados para a temperatura eletrônica, a metalicidade, as variações das propriedades astrofísicas em cada grupo de galáxias somadas e as conclusões sobre a relação Massa Estelar-Taxa de Formação Estelar-Metalicidade.